PT, LULA E FHC DEVEM SE UNIR POR DIRETAS JÁ

Postado em: 16 jun 2017

PT, LULA E FHC DEVEM SE UNIR POR DIRETAS JÁ

O ex-Presidente Fernando Henrique Cardoso publicou no jornal O Globo desta quinta-feira uma opinião defendendo que Michel Temer tenha a grandeza de convocar eleições diretas já.

Se esta posição é sincera, o PT deve buscar o diálogo com FHC imediatamente para que, juntos, possam articular a aprovação de uma emenda constitucional que convoque eleições presidenciais para este ano.

Somente com uma emenda constitucional é possível fazer a convocação de eleições para agora, e se o PSDB seguir as orientações de seu líder maior e se juntar ao PT e aos demais partidos que já estão em campanha sobre este tema, naturalmente será possível aprovar esta pauta.

Penso que Fernando Henrique e Lula devem conversar imediatamente. Esta atitude demonstraria que o país precisa superar o grau de radicalização política que atinge níveis elevadíssimos e que não interessa aos que defendem a democracia.

Um diálogo de alto nível entre dois ex-Presidentes e principais lideranças dos maiores partidos favorece a democracia e ninguém pode se colocar contra.

Para este diálogo o ideal é que se busque o que pode unir os interesses nacionais e apontar para saídas institucionais que sejam aceitas e apoiadas pela população. É natural que um diálogo com este caráter tem de ser franco, sincero e aberto. Os interesses dos partidos devem ser colocados de lado e devem prevalecer, sobretudo, os interesses da nação.

O PMDB e os demais partidos não devem ficar fora do diálogo e qualquer solução deve apontar para a possibilidade de uma saída democrática para a crise, que só pode ser com eleições diretas ainda neste ano.

Penso que nem Michel Temer deve ficar fora do diálogo e que uma convocação de eleições já não deve impedi-lo de concorrer. Deve caber aos eleitores, soberanamente, decidir quem vai governar o país a partir de novas eleições. O atual Presidente, mesmo com sua legitimidade questionada, poderia concorrer e se submeter ao veredicto popular.

A carta de FHC pode ser a senha para a melhor saída para a crise e para a inauguração de um tempo novo, de paz e diálogo, que tenha como perspectiva a construção de caminhos seguros para o desenvolvimento social e econômico sustentável.

É assim que são superadas as crises, com maturidade e diálogo franco.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *